quarta-feira, 31 de outubro de 2012

BENEFÍCIOS PARA O MEIO AMBIENTE


Bagaço transformado em papelão


A produção de papelão reciclado requer a aquisição de cana junto aos engenhos localizados na RMF
Uma boa iniciativa de reaproveitamento do bagaço da cana-de açúcar vem acontecendo há exatos 20 anos, no município de Pindoretama, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). O que antes era resíduo é utilizado como matéria prima para fabricar caixas de papelão, livrando o meio ambiente de mais um impacto e os lixões de um material que não tinha serventia alguma.

A usina recebe a cana- de- açúcar de vários municípios da Região Metropolitana de Fortaleza, retira o suco e aproveita o bagaço para fazer o papelão que é utilizado na fabricação de caixas fotos: Waleska Santiago

A Pecém Agroindustrial fabrica papelão totalmente reciclado. O material utilizado na composição do novo produto vem de aparas de papel recolhido por catadores nas ruas e é misturado com o bagaço da cana-de-açúcar, que passa por um demorado processo até virar papelão.

No início, a Pecém repassava 80% do que era fabricado para uma outra empresa pertencente ao mesmo grupo empresarial. Com a venda recentemente desta fábrica, passou a negociar tudo o que produz para o mercado, inclusive com a ex-empresa.

A cana-de-açúcar é adquirida dos engenhos localizados em cidades vizinhas como Aquiraz, Eusébio, Pacajus, Redenção, Acarape, Beberibe, Horizonte, Cascavel e também de Pindoretama, onde possui um canavial próprio. A cadeia completa tem cerca de 150 fornecedores.

Descarregamento

Ao chegar à fábrica, a cana é imediatamente pesada e descarregada num local chamado de casa de cana. É enviada para uma esteira onde é lavada numa mesa de alimentação.

Em seguida, é introduzida numa segunda esteira para que seja direcionada até o local onde o caldo é retirado para ser utilizado com outras finalidades. Antes disso, porém, é cortada em pequenos pedaços.

A retirada do caldo só ocorre mesmo quando a cana é prensada nas moendas. Cerca de 30% do bagaço inicialmente alimenta as duas caldeiras da fábrica, ao se transformar no vapor que impulsiona a máquina que produz o papelão e também gerando 50% de toda a energia que a Pecém Agroindustrial utiliza.

Os 70% restantes do bagaço da cana são guardados numa área de estocagem. É que o período de safra vai de agosto a dezembro. O que fica armazenado supre as necessidades da empresa no restante do ano. Assim, o processo de fabricar o papelão reciclado não sofre qualquer tipo de solução de continuidade.

Mistura

Em média, são utilizados, em cada safra, cerca de 27 mil toneladas de bagaço. A empresa tem capacidade de processar cinco toneladas por dia. Conforme o dirigente Paulo Telles, o bagaço representa apenas 10% do que é adicionado para a feitura do papelão. "Essa mistura é bem interessante, pois a fibra da cana e do papel se juntam e dão um adensamento bem melhor do que ocorre com o material que é produzido de forma convencional", esclarece.

Paulo Telles destaca que as vantagens do bagaço de cana vão mais além, visto que, afora o fato de ser adicionado ao papelão, é utilizado como energia. "Os benefícios ao meio ambiente são de toda ordem pois evitamos a utilização de lenha ou de qualquer outro tipo de combustível".

A empresa adquire cerca de 1.800 toneladas de aparas de papel por mês dos catadores. O material vem de várias cidades do Ceará, como Russas, Itapajé, Juazeiro do Norte e Sobral; de Teresina, no Piauí e de Natal e Mossoró, no Rio Grande do Norte. Há previsão de que São Luís, no Maranhão seja a próxima cidade a ser incluída nesse roteiro.

Circuito fechado

Toda a água usada na produção do papelão reciclado é reaproveitada. Nada menos do que 80% dela ficam numa espécie de circuito fechado, ou seja, não há desperdício. Os 20% restantes a empresa aproveita para irrigar o seu próprio canavial.

Outro processo interessante da reciclagem é a retirada das impurezas que vêm junto com o papelão recolhido nas ruas, tipo plástico, ferro e alumínio. Tudo que é extraído é negociado com as respectivas recicladoras.

Após a purificação, o papelão que foi recolhido das ruas é diluído na água formando uma massa. Depois de limpa e filtrada, essa massa é refinada até chegar à condição de fibra de celulose.

Em seguida, a fibra, novamente agrupada, passa por uma espécie de mesa, onde o material se encontra com 98% de água. Numa prensa, o líquido excedente é extraído e, posteriormente, seco à uma temperatura de aproximadamente 120 graus.

Na etapa final, o novo material passa pelas impressoras. Na primeira, ocorre o corte na chapa de papelão e a colagem da caixa. São formados lotes de 30 unidades que recebem uma fita para agregá-los e posteriormente juntá-los em fardos. Uma segunda máquina impressora funciona de forma diferente. Após a impressão, ela interrompe o processo de colagem a fim de que as caixas sejam grampeadas. Essas precisam de maior resistências, pois serão usadas no armazenamento de produtos mais pesados como móveis e bicicletas.

Como há uma mistura entre papelão que foi reciclado apenas uma vez, com material considerado virgem, o processo pode acontecer infinitamente. Em tese, se apenas o mesmo material fosse sempre reciclado, as fibras perderiam seu potencial natural e isso não seria possível.

Reserva ecológica

A empresa mantém em Pindoretama uma Reserva Ecológica Particular (REP). Ocupa uma área de 40 hectares e conta com espécies raras do ecossistema de tabuleiro pré-litorâneo. O local é dotado de quatro trilhas e quatro praças sinalizadas com placas que foram feitas com material reciclado e toras de eucalipto (manejo de reflorestamento).

Paulo Telles garante que "a reserva é cuidadosamente fiscalizada e mantida em excelente estado de conservação, de modo a manter a integridade das espécies vegetal e animal".

A REP já recebeu a visita de mais de cinco mil pessoas, incluindo alunos de 30 escolas e de diversas universidades. O acesso ao local é feito com o acompanhamento de monitores e supervisores da empresa.

A mata abriga 11 espécies de mamíferos, sete de peixes, 101 aves e 24 répteis, além de espécies arbóreas únicas, como o gonçalo-alves (Astronium fraxinifolium), incluído pelo Instituto Brasileiro dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) na lista oficial de espécies da flora brasileira ameaçadas de extinção.

REPÓRTER  - FERNANDO MAIA
FONTE

BB CRÉDITO ACESSIBILIDADE

Banco passa a financiar aparelhos para pessoas com deficiência

proteses-e-orteses
Aparelhos auditivos, órteses, próteses e elevadores adaptados para domicílios serão financiados pela linha BB Crédito Acessibilidade. Segundo informou hoje (31) o Banco do Brasil (BB), a inclusão desses produtos "tem por objetivo viabilizar de forma plena o acesso das pessoas com deficiência aos equipamentos e serviços de tecnologia assistiva".

De acordo com o banco, a lista de bens financiáveis está de acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União, no último dia 25.

A linha BB Crédito Acessibilidade cobra taxa de juros de 0,57% ao mês para quem recebe até cinco salários mínimos ou 0,64% mensais para aqueles que têm renda de cinco a 10 salários mínimos. O financiamento pode ser de até 100% do valor do bem ou serviço, com limite de R$ 30 mil por pessoa e prestações debitadas diretamente na conta corrente. O prazo é de quatro a 60 meses e a primeira prestação pode ser paga em até 59 dias.

      FONTE

Por: Ana Cadengue

VIA  Redação do Jornal  O Mossoroense

OPERAÇÃO CARRO PIPA

Defesa Civil Estadual reúne municípios da Operação Carro Pipa
Imagem/Arquivo Blog "naserra"
O coordenador Estadual de Defesa Civil, tenente coronel Acioli, esteve reunido com os Comitês Municipais de Fiscalização e pipeiros dos municípios do Alto Oeste, em Pau dos Ferros, nos dias 25 e 26. A reunião teve como objetivo orientar os Comitês quanto aos procedimentos que deverão ser realizados durante a fiscalização dos pipeiros da Operação Carro Pipa (OCP) do Governo do Estado.

Durante a reunião, a Defesa Civil entregou as Ordens de Serviço a 12 municípios, autorizando o início da Operação Carro Pipa em Viçosa, Major Sales, José da Penha, São Francisco do Oeste, Patu, Francisco Dantas, Pilões, Cel. João Pessoa, Martins, Mossoró, Pau dos Ferros e Riacho de Santana.

De acordo com o coordenador Ten. Cel. Acioli, a Operação Carro Pipa deve começar nos municípios que estão em dia com a documentação. “Os prefeitos que cumpriram o protocolo de intenções e há pipeiros credenciados serão os primeiros beneficiados com a Operação”, afirmou o Cel. Acioli.

O Comitê Municipal de Fiscalização tem como objetivo regular os procedimentos a serem observados por ocasião da execução das atividades da Operação Carro Pipa (OCP), visando inibir e/ou coibir impropriedades e identificar irregularidades, tudo para garantir o êxito da Operação.

Nesta quarta-feira (31), a Defesa Civil Estadual irá se reuni com os Comitês Municipais de Fiscalização do Seridó Central, em Acari. E no dia 1º de novembro, a reunião será realizada no município de São Miguel do Gostoso.

FONTE



A GVT CHEGA AO MERCADO DAS TELECOMUNICAÇÕES NO RN

GVT inicia operações em Natal; confira onde chega a cobertura

Nesta semana, a GVT amplia a cobertura nacional ao chegar a mais um estado brasileiro na região Nordeste com o lançamento de operações na cidade de Natal, no Rio Grande do Norte.

 A empresa chega à capital potiguar oferecendo serviços de TV por assinatura integrada à internet, banda larga com velocidade de até 100Mbps e telefonia fixa com planos sem limite de uso. 

Os interessados nos serviços da empresa já podem entrar em contato pelo telefone 103 25 ou conferir o site www.natalquersaber.com.br.

As obras de implantação da rede de telecomunicações mais moderna do país que integra sinais de voz, dados e imagem começaram em julho deste ano com investimento inicial de R$ 60 milhões, o que garante capacidade para conectar aproximadamente 50 mil linhas de internet, telefone fixo e TV por assinatura no lançamento. Para colocar a operação em funcionamento estão sendo gerados neste primeiro ano cerca de 520 empregos diretos e indiretos na cidade.

As operações da GVT no Rio Grande do Norte prometem movimentar o mercado de telecomunicações, o que melhora a qualidade de serviço, o preço e o atendimento ao consumidor além de promover a modernização, inclusão digital e desenvolvimento sustentável da cidade. “Lançamos operações em Natal em razão da importância da cidade na região Nordeste e do perfil da população que deseja serviços de telecomunicações e de TV por assinatura melhores e mais avançados. Oferecemos na cidade o que há de mais completo em pacotes de serviços desde o primeiro dia de atuação”, afirma o vice-presidente da GVT, Fabiano Oliveira Ferreira.

Em Natal, a cobertura inicial da GVT corresponde a 50% da área urbana e abrange 27 localidades. Na primeira fase, os bairros atendidos são: Alecrim, Areia Preta, Barro Vermelho, Candelária, Cidade Alta, Cidade da Esperança, Cidade Nova, Dix-Sept Rosado, Lagoa Nova, Lagoa Seca, Mãe Luíza, Mirassol, Morro Branco, Nossa Senhora de Nazaré, Nova Descoberta, Petrópolis, Quintas, Ribeira, Rocas, Tirol. Já na segunda etapa de implantação da rede que deverá ser concluída nos próximos meses, os bairros atendidos são: Capim Macio, Neópolis, Parque das Dunas, Pitimbu, Planalto, Ponta Negra e Satélite. “Conforme a receptividade que tivermos, vamos estudar ampliações graduais já a partir de 2013”, revela o executivo.


FONTE

O QUE ABRE E FECHA DURANTE O FERIADO DE FINADOS EM NATAL/RN

Confira como funcionará o comércio em Natal no feriado de Finados
Próxima sexta-feira, 02 de novembro, feriado do Dia de Finados, o comércio de Natal funcionará em horário diferenciado. A Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal) informa o funcionamento dos principais pontos comerciais durante o 02 de novembro:

Comércio de Rua

Alecrim: A abertura é facultativa, as lojas abrem das 08h às 13h.

Centro da Cidade: A abertura também é facultativa, mas grandes magazines abrem em horários diferentes, como a C&A (09h às 15h), Riachuelo (08h às 16h) e Lojas Americanas (09h às 16h).

Zona Norte: Abertura facultativa até 12h, mas a maioria das lojas fecham.

Shopping Midway Mall

Praça de Alimentação e lazer: 11h às 22h.
Lojas: 12h às 21h.

Natal Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: 11h às 22h.
Lojas e Quiosques: 14h à 21h.


Norte Shopping

Praça de Alimentação: 11:30h às 22h.
Lojas e Quiosques: 15h às 21h


Praia Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: A partir das 11h.
Lojas e Quiosques: 15h às 21h.


Shopping Cidade Jardim

Praça de Alimentação: A partir das 11h.
Lojas e Quiosques: 14h às 20h.


Shopping Via Direta

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 22h.
Lojas e Quiosques: Abertura facultativa das 14h às 20h.


Supermercados

Funcionamento normal das grandes redes em dias de feriado, das 07 às 22h.

FONTE

TRENS URBANOS DE NATAL

Sistema Trens Urbanos de Natal não funcionará no feriado de finados

Imagem/Arquivo Blog "naserra"
O Sistema de Trens Urbanos de Natal não funcionará no feriado de finados, sexta-feira (02). A CBTU informou que o sistema estará disponível novamente no sábado (03), a partir das 05h20 na Linha Norte, no percurso Ceará-Mirim/Natal e 05h40 na Linha Sul, no percurso Parnamirim/Natal.

A Companhia também informou que o sistema está operando normalmente com as duas locomotivas e 24 viagens diárias de segunda a sexta-feira, sendo 10 para linha norte e 14 para a linha sul. Já aos sábados são realizadas 15 viagens, sendo 08 para linha norte e 07 para a linha sul.


FONTE





CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A FEBRE AFTOSA

Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa será lançada hoje

A 2ª etapa da Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa será lançada hoje, às 9h, no Centro de Comercialização de Animais Armando Buá (Mercado do Bode). Na ocasião, será apresentado o calendário de vacinação nas comunidades rurais que compreendem o município de Mossoró.

"São 133 comunidades rurais que serão visitadas por quatro equipes que procederão a vacinação gratuita nos animais durante todo o mês de novembro. A campanha é voltada para os pequenos criadores que possuem de um até 25 animais", afirma Rondinelli Carlos, titular da Gerência de Agricultura, Abastecimento e Recursos Hídricos.

A 1ª etapa foi realizada no mês de maio e vacinou quase nove mil animais. Segundo o gerente, a meta total da campanha é vacinar 20 mil animais. "A campanha tem um investimento de R$ 50 mil para a primeira e segunda etapa. O pequeno criador não deve perder a oportunidade de receber a vacina dentro do curral de forma totalmente gratuita", explica o gerente.

Segundo Rondinelli Carlos, os grandes criadores também devem vacinar os animais durante o mês de novembro. Ele estima que a vacina tenha um custo entre R$ 10 e R$ 15, então o pequeno criador deve aproveitar a campanha para não ter esse gasto extra.

Segundo o gerente, a doença não foi detectada na cidade nos últimos dez anos. "Precisamos continuar com essa campanha para que a febre aftosa não se desenvolva em Mossoró", completa.

A febre aftosa é uma doença viral, altamente contagiosa, que atinge principalmente os animais de casco fendido. A prevenção é realizada por meio de vacina obrigatória aplicada de 6 em 6 meses, a partir do terceiro mês de vida do animal.


Fonte:   Redação do Jornal  O Mossoroense

NOVO ROTEIRO TURÍSTICO NO RN

Setur apresenta projeto para criação de novo roteiro turístico no RN
CASA DE PEDRA (MARTINS/RN)
O secretário de Estado do Turismo, Renato Fernandes, e o especialista em espeleologia do Centro de Estudos de Cavernas do Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio), Diego Bento, apresentaram ao gerente geral da Petrobras no RN, Luis Ferradans, e ao corpo técnico da estatal dois projetos para a expansão do turismo no interior do Estado e criação de novas opções turísticas.

Um dos projetos trata da criação de um roteiro turístico com as cavernas existentes em solo potiguar. Ao todo, foram catalogadas 205 grutas no RN não apenas dentro do Parque Nacional de Furna Feia, entre os municípios de Mossoró e Baraúnas, como também em Governador Dix-Sept Rosado, Felipe Guerra, Severiano Melo, Martins e Apodi. 

De acordo com o secretário Renato Fernandes, o Rio Grande do Norte tem a maior quantidade de cavernas do Brasil, além de sediar o mais novo parque nacional, o da Furna Feia, criado pela presidente da República Dilma Rousseff. Motivos que justificam um maior investimento no turismo ligado à natureza, uma tendência em todo o mundo.

O outro projeto trata da construção de cercas ao longo dos 80 quilômetros do Parque Nacional da Furna Feia, como forma de garantir a integridade, segurança dos visitantes e total preservação do espaço.

"Os projetos foram entregues e o diretor da Petrobras gostou muito. Ele informou que o documento será enviado aos setores competentes para análise o quanto antes", declarou Fernandes.

O titular da Secretaria de Estado do Turismo (Setur) classificou como "produtiva e muito positiva" a reunião com o gerente geral da estatal e lembrou que "a Petrobras tem se mostrado grande parceira dos projetos e empreendimentos no Rio Grande do Norte".

FOTO/BLOG "naserra"

FONTE

AMEAÇA DE BOMBA

Ameaça de bomba causa tumulto em shopping da Zona Sul

Imagem/Arquivo Blog "naserra"
Uma ameaça de bomba foi a responsável por ter causado tumulto no Shopping Via Direta, no bairro de Lagoa Nova, Zona Sul, na noite dessa terça-feira (30). Ninguém houve nenhuma vítima fatal nem nenhum ferido com o ocorrido.

Segundo informações passadas pelo tenente Alisson, do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), um grupo de criminosos assaltou uma joalheria no shopping por volta da 20h30. Eles renderam os funcionários e deixaram uma caixa de sapatos com uma suposta bomba, ameaçando os trabalhadores e os clientes da loja de que explodiriam o artefato que estaria contido dentro da caixa. Após os bandidos conseguirem fugir, os funcionários acionaram a Polícia Militar para poderem desarmar a bomba. Quando uma equipe da PM especializada em artefatos explosivos chegou ao local, a bomba foi retirada de dentro da loja e levada para uma área distante dentro do shopping para que os policiais pudessem desarmar o objeto. 

O tenente Alisson não confirma se o artefato era um simulacro ou se era um material ativo, ou seja, preparado para explodir. Os policiais no local decidiram, de qualquer maneira, explodir a caixa de sapatos com uma carga neutralizadora por volta das 21h30. A explosão que neutralizou o artefato foi a que alertou muitos moradores próximos ao Via Direta, que postaram inúmeras mensagens nas redes sociais sobre o ocorrido.

Testemunhas que ainda estavam no local contam que a quadrilha, na verdade, se tratava de um casal que já estaria rondando a loja para verificar a possibilidade de um assalto. As testemunhas contam ainda que os dois estacionaram uma moto do lado de fora do shopping e que, com essa mesma moto, o casal fugiu.

A Polícia Militar realiza diligências desde a hora do ocorrido para tentar encontrar os responsáveis pelo crime, mas até agora ninguém foi detido.



FONTE

terça-feira, 30 de outubro de 2012

PREPARATIVOS PARA A FESTA DE SANTA LUZIA - MOSSORÓ/RN

Peregrinação da imagem de Santa Luzia já foi iniciada

Os preparativos para a edição 2012 da Festa de Santa Luzia já foram iniciados. A peregrinação da imagem de Santa Luzia começou oficialmente no último domingo, 28, em Mossoró e região. De segunda a sexta, a imagem percorrerá diversos estabelecimentos de Mossoró. Já nos finais de semana, ela seguirá para o interior do Estado. A peregrinação seguirá até o dia 30 de novembro.

"São pontos comerciais, residências, clínicas, hospitais, empresas, órgãos públicos, escolas, entre outros, que receberão a imagem de Santa Luzia. Alguns locais já são tradicionais, enquanto que outros estão entrando em contato para participar da peregrinação", afirma Talita Thellis, responsável pela peregrinação da imagem de Santa Luzia.


Nos dias 1º e 2 de dezembro, será realizado o tradicional "Abraço a cidade", com a imagem de Santa Luzia percorrendo capelas e igrejas de toda Mossoró. "A imagem irá passar por todos os bairros. A ideia é a de que se você não vai a Santa Luzia, ela vai até você. Então iremos percorrer todas as igrejas e capelas nesses dois dias. No dia 2, pela manhã, a imagem ainda irá ao Santuário do Lima e à tarde retorna a Mossoró", explica Talita Thellis.

A programação da Festa de Santa Luzia ainda conta com um passeio ciclístico, no dia 8 de dezembro, e uma motorromaria, no dia 12 de dezembro. "Será realizado o III Pedalando com Santa Luzia e IV Motorromaria da Luz. No ano passado, participaram mais de 1.300 motos. Percebemos uma participação maior a cada ano, então a expectativa para este ano é muito boa", comenta a responsável pela peregrinação da imagem de Santa Luzia.

A Festa de Santa Luzia 2012 tem como lema "Ver com os olhos da esperança" e como tema "Santa Luzia: testemunho de esperança. Liturgia: a festa do céu na terra". Segundo o Padre Walter Collini, o lema do novenário e da festa segue a sequência iniciada no ano passado sobre a reflexão a respeito das virtudes teologais. "Depois de trazer para o foco da festa a importância da fé, agora é a vez de focalizar a esperança", explica.


Fonte: Redação do Jornal  O Mossoroense

O USO DA RASPA DO JUAZEIRO NO TRATAMENTO DENTÁRIO

Estudantes de escola pública desenvolvem creme dental caseiro

Três alunos do ensino médio da Escola Estadual Moreira Dias desenvolveram, sob orientação da coordenadora pedagógica da escola, um novo creme dental. A ideia partiu do estudante Paulo Ramon, do 3º ano, em virtude dos altos gastos que a escola vinha apresentando com pasta de dente para os alunos do Programa Mais Educação.

"No programa, os estudantes passam o dia na escola, inclusive fazem suas refeições no local. Com isso, o colégio estava tendo muitos gastos com o uso de pasta de dente industrial. Então, eu tive a ideia de desenvolver um produto caseiro que saísse mais barato para a escola. Pensei no juazeiro porque já tinha ouvido relatos sobre os benefícios", afirma o estudante.

Para ajudar no projeto "O uso da raspa do juazeiro no tratamento dentário", Paulo Ramon procurou parceiros na escola que o auxiliassem no desenvolvimento. Depois de ir de sala em sala e não encontrar interessados, as irmãs Thaís e Taianny Oliveira, do 3º e 2º anos, respectivamente, decidiram participar da empreitada. Logo depois, veio a Feira de Ciências da Escola e eles decidiram apresentar o projeto da pasta de dente.

Depois da Feira de Ciências da Escola Estadual Moreira Dias, foi realizada a V Feira de Ciências da 12ª Diretoria Regional de Educação, Cultura e Desporto (Dired), que os estudantes decidiram participar. A coordenadora pedagógica, Maria do Socorro, decidiu orientar os alunos acerca do método científico.

"A bibliografia não estava adequada para o projeto. Com a orientação da coordenadora, conseguimos melhorar para apresentar na Feira da Dired", conta Paulo Ramon. Segundo ele, uma das maiores dificuldades no desenvolvimento do projeto foi a falta de um laboratório na escola. 

"Não tínhamos o apoio necessário. Os testes foram adaptados para a sala dos professores, que era o único local disponível. Então, isso mostra a necessidade de um laboratório nas escolas. Nosso objetivo era estudar toda a planta, mas infelizmente não foi possível porque não tínhamos estrutura para isso. O que conseguimos descobrir foram duas substâncias presentes na raspa do juazeiro. Uma delas mata as bactérias e a outra limpa os dentes", afirma Paulo Ramon.

Equipe consegue primeiro lugar na II Feira de Ciências do Semiárido Potiguar e carimba passaporte para Londres

Apesar da originalidade do projeto e o empenho dos estudantes, eles não conseguiram uma boa avaliação na Feira de Ciências da 12ª Dired e não foram classificados para participar da Feira Estadual. No entanto, a consagração viria na II Feira de Ciências do Semiárido Potiguar, promovida pela Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern) e Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC).

O projeto ficou com o primeiro lugar no evento e, como prêmio, os estudantes irão apresentá-lo no Fórum de Jovens Cientistas, que será realizado em Londres, em 2013. "Para Londres, pretendemos ampliar a pesquisa, principalmente naquele objetivo de estudar toda a planta. Então, nós precisamos de patrocínio para complementar nosso projeto", afirma Paulo Ramon.

Na semana passada, os estudantes também apresentaram o projeto na Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura (Cientec) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Em março de 2013, eles ainda devem participar da Feira Brasileira de Ciência e Engenharia, que será realizada na Universidade de São Paulo (USP).

O creme dental desenvolvido pelos estudantes agora passa pelo processo de registro de patente. "A Natura e outros empresários já mostraram interesse em comprar o projeto para desenvolver o produto. No entanto, nossa intenção é conseguir patrocínio para melhorar a pesquisa. Também temos o interesse de apresentar o projeto para o Ministério da Educação, para que o creme dental seja usado em todas as escolas do Brasil", afirma Paulo Ramon.


Fonte:   Redação do Jornal  O Mossoroense

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

DIA MUNDIAL DO AVC

AVC: Governo alerta para principal causa de mortes

Imagem/Arquivo Blog "naserra"
No Dia Mundial do Acidente Vascular Cerebral (AVC), lembrado nesta segunda-feira (29), o Ministério da Saúde alerta para os perigos da doença, que está entre as mais letais do mundo. Só no Brasil, o número de vítimas fatais por AVC chega a quase 100 mil pessoas: passou de 84.713, em 2000, para 99.726, em 2010. Atualmente, a doença é responsável pela primeira causa de mortes registradas no país.

“Para que consigamos reduzir a taxa de mortalidade é fundamental que a população recorra aos serviços de saúde”, afirma o ministro da Saúde, Alexandre Padilha. “Mas, também é necessário que as pessoas se empenhem em adotar hábitos de vida mais saudáveis. A atividade física, sob supervisão adequada, é benéfica para a saúde em geral e retarda o aparecimento de doenças importantes, como o AVC”, completa o ministro.

AVANÇOS – Apesar de ocupar o primeiro lugar no ranking geral de óbitos, a taxa de mortalidade por AVC na faixa etária que considera esses óbitos como mais evitáveis – isto é, até os 70 anos de idade – reduziu 32,6% entre 2000 e 2010. Nesta faixa, o índice caiu de 27,3 para 18,4 mortes para cada 100 mil habitantes, o que representa uma redução média anual de 3,2%. Em 2010, foram registrados 33.369 óbitos de pessoas com até 70 anos, por AVC. 

Ano passado, foram realizadas 179.185 internações por AVC (isquêmico e hemorrágico), que custaram R$ 197,9 milhões para o Sistema Único de Saúde. Para ampliar a assistência a vítimas de Acidente Vascular Cerebral, o Ministério da Saúde investirá R$ 437 milhões no SUS até 2014. Deste total, R$ 370 milhões vão financiar leitos hospitalares. Os outros R$ 96 milhões serão investidos na incorporação e oferta do medicamento trombolítico alteplase.

SINTOMAS – Popularmente conhecido como derrame, o AVC atinge 16 milhões de pessoas no mundo a cada ano. Destes, seis milhões morrem – ou seja, 38%. Os sintomas mais comuns do Acidente Vascular Cerebral são a perda de força muscular de um lado do corpo, fala enrolada, desvio da boca para um lado do rosto, sensação de formigamento no braço, dores de cabeça súbita ou intensa, tontura, náusea e vômito.

Em casos de identificação desses sinais, o Ministério da Saúde recomenda a chamada urgente do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), pelo número 192. “Em caso de AVC ou qualquer outra urgência, o atendimento rápido pode minimizar o risco de morte e/ou seqüelas”, afirma Paulo de Tarso Abrahão, coordenador de Urgência e Emergência do Ministério da Saúde.

A doença ocorre devido à alteração na circulação cerebral. No AVC isquêmico há a obstrução de um vaso sanguíneo cerebral, levando à diminuição da circulação em determinada região do cérebro. No hemorrágico, acontece a ruptura de um vaso sanguíneo, com sangramento dentro do cérebro. Os principais fatores de risco são a hipertensão, o diabetes, o colesterol elevado e o tabagismo.

ASSISTÊNCIA – Com o aprimoramento de toda a rede de atendimento no SUS, o governo federal quer acelerar a redução da taxa de mortalidade por AVC. O Ministério da Saúde – que, este ano, instituiu a Linha do Cuidado do AVC – orienta que o tratamento deve incluir, necessariamente, a rede básica de saúde, o SAMU 192, as unidades hospitalares de emergência e leitos de retaguarda, a reabilitação ambulatorial, o ambulatório especializado e os programas de atenção domiciliar, entre outras estratégias de atendimento à população.

A assistência preconizada pelo ministério prevê o uso do medicamento alteplase somente em casos de AVC isquêmico. Aplicado até quatro horas e meia depois dos primeiros sintomas, o medicamento diminui em 30% o risco de sequelas do AVC. Isso significa a recuperação do quadro neurológico de mais pacientes comparando-se com aqueles que não recebem o tratamento com alteplase, além de reduzir em 18% a mortalidade.

REDE HOSPITALAR – Atualmente, há mais de 200 hospitais com condições de realizar atendimentos a pacientes com AVC. As instituições são habilitadas como centros ou unidades que tratam vitimas da doença. Além disso, esses locais podem usar o medicamento alteplase para o tratamento às vitimas de AVC isquêmico.

Serão criados 1.225 novos leitos em 151 municípios onde estão os 231 prontos-socorros responsáveis pelo atendimento de urgência e emergência especializado em AVC. A abertura dos novos leitos será definida, em conjunto, pelo governo federal, estados e municípios.

FONTE


domingo, 28 de outubro de 2012

FERIADO DO DIA DE FINADOS EM MOSSORÓ/RN

Supermercados funcionarão em horário especial no Dia de Finados

Na próxima sexta-feira, 2 de novembro, em decorrência do feriado do Dia de Finados, o funcionamento dos estabelecimentos comerciais sofre modificações e muitos deles permanecerão fechados durante todo o dia. Acordo firmado entre o Sindicato dos Comerciantes de Mossoró (Secom) e Sindicato do Comércio Varejista (Sindvarejo) estabeleceu que não haverá funcionamento do comércio.

Os supermercados e mercantis irão funcionar sob horário especial, isto é, das 7h às 13h. Os profissionais que irão trabalhar durante o feriado nessas instituições devem receber o pagamento da diária em dobro. Os bancos e lotéricas terão seu expediente suspenso durante o feriado; apenas os caixas eletrônicos 24h devem funcionar.

O Mossoró West Shopping também funcionará com horários especiais. As lojas e o Hiper Queiroz funcionarão das 15h às 21h. A praça de alimentação abrirá das 11h às 22h, o Multicine Cinemas funcionará das 14h às 22h, e o West Bowling atenderá clientes das 11h à 0h.

O presidente do Secom, Carlos Antônio da Silva, informou que as equipes do Sindicato juntamente com a Subdelegacia do Trabalho irão às ruas fazer o trabalho de fiscalização. Caso algum estabelecimento não cumpra com o acordo firmado em lei, este deverá ser autuado.


Fonte:  Redação do Jornal  O Mossoroense

ACUMULOU

Mega-Sena acumula e prêmio pode chegar a R$ 38 milhões

Ninguém acertou as seis dezenas sorteadas na noite deste sábado (27) no concurso 1.437 da Mega-Sena, realizado em Vitória (ES).

Segundo a Caixa Econômica Federal, a estimativa de prêmio para o próximo sorteio, a ser realizado na quarta-feira (31), é de R$ 38 milhões.

As dezenas sorteadas foram: 22 - 23 - 26 - 37 - 38 - 48.



FONTE

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

CONSUMO DE PRODUTOS NATURAIS

Conheça os perigos dos suplementos a base de ervas

Preocupado com o grande aumento do consumo de produtos naturais e suplementos dietéticos nas últimas duas décadas, o Dr. Hsiang-Wen Lin, da Faculdade de Farmácia, em Taiwan, resolveu pesquisar os efeitos causados por eles nos consumidores. De acordo com a pesquisa, usar suplementos naturais ou dietéticos como equinácea, Erva de São João, linhaça e ginkgo podem causar efeitos colaterais adversos quando misturado com medicamentos.

— Estima-se que mais de 50% dos pacientes com doenças crônicas ou câncer, nos EUA, utilizam esses produtos junto com a medicação prescrita. Apesar de sua ampla utilização, os riscos potenciais associados a combinação de ervas e suplementos de dieta com outros medicamentos podem causar problemas graves de coração, dor no peito, dor abdominal e dor de cabeça — disse Dr. Lin.

De acordo com a pesquisa, aqueles que tomam varfarina, insulina, aspirina e ticlopidina apresentaram o maior número de relatos de interações adversas. Isso acontece porque a combinação entre os produtos e medicamentos afeta o processo pelo qual o organismo absorve e distribui as substâncias.

Os cientistas alertam que esses resultados podem ser apenas a ponta do iceberg e disseram que as pessoas precisavam estar conscientes dos riscos de saúde envolvidos.

Fonte:  Agência O Globo

VIA

MADRUGADA ÀS ESCURAS EM BOA PARTE DO PAÍS

Incêndio em equipamento provocou blecaute no Norte e Nordeste do país

Imagem/Arquivo Blog "naserra"
O blecaute ocorrido na madrugada de hoje (26) deixou 100% do Nordeste e 77% dos estados do Pará, Tocantins e Maranhão sem energia. Segundo nota do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), o problema foi provocado por "um curto-circuito no segundo circuito da linha de transmissão" Colinas (TO)-Imperatriz (MA), justamente o que interliga o Sistema Norte/Nordeste ao Sul/Sudeste.

Para eliminar o defeito entraram em ação as proteções de retaguarda da subestação de Colinas (TO). Como resultado, o Sistema Norte/Nordeste foi separado do Sistema Interligado Nacional (SIN), o que provocou o desabastecimento de energia na região.

Como na hora do blecaute o Nordeste precisava da energia do Sul do país para atender à demanda, o corte no fornecimento da linha Colinas-Imperatriz provocou uma sobrecarga e todo o sistema precisou ser desligado.

No Norte alguns locais conseguiram manter o fornecimento de energia, como é o caso da capital paraense, Belém, que continuou atendida pela Usina Hidrelétrica de Tucuruí. Em relação aos outros estados do Norte, Amazonas, Amapá e Roraima não estão interligados ao SIN. Rondônia e Acre se ligam ao SIN por outra linha de transmissão.

Segundo a nota do ONS, no processo de recomposição do sistema, cerca de quatro horas após a ocorrência, 70% das cargas estavam restabelecidas.

FONTE

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

INAUGURAÇÃO DAS CASAS BAHIA EM NATAL/RN

Potiguares lotam inauguração da primeira Casas Bahia do RN



Foi inaugurada oficialmente a primeira Casas Bahia do Rio Grande do Norte. A abertura, prevista para às 12h desta quinta-feira (25), teve que ser antecipada para às 10h, devido a grande movimentação no local, que concentrava pessoas na fila desde às 8h da manhã. A loja fica no primeiro piso do Shopping Midway Mall. De acordo com a assessoria da loja, as promoções de inauguração se restringem a preços por produto, que serão válidos até o fim do estoque.

"Nós estamos investindo nessa primeira loja R$ 2,6 milhões, e aqui para o Rio Grande do Norte já temos contrato assinado para pelo menos mais quatro lojas, então nos próximos seis meses, no primeiro semestre de 2013, teremos já cinco lojas no estado”, afirmou Michael Klein, presidente do conselho de administração do Via Varejo, responsável pelas redes Ponto Frio e Casas Bahia. “A melhor oferta que nós podemos fazer é o anúncio a preço nacional. Aqui terá o mesmo preço que ele (o cliente) pode encontrar em São Paulo, no Rio de Janeiro, que tem muita concorrência, não que aqui também não tenha, mas nós temos condições de ter um preço bem acessível, e uma facilidade de crediário, que é o cargo chefe da empresa. Então, mesmo as pessoas que não possuem um cartão de crédito vão ter a facilidade e um carnêzinho das Casas Bahia”. 


Inauguração deixou a praça de alimentação
          quase vazia em pleno horário de almoço
Amanda Leonel da Silva, 23, conta que é recém casada e trouxe o filho o esposo e a sogra para procurar uma geladeira. “Estava precisando faz tempo, mas esperei a inauguração da loja para poder comprar. Já encontrei o que eu queria, meu marido é quem está negociando”. Maria José, 54, dona de casa, chegou ao local antes das 9h para poder escolher um bom liquidificador, com um preço acessível. “Só não consigo achar um atendente com tanta gente”, reclamou. Anderson Oliveira, 33, técnico, procurava um notebook e disse não sentir tanta diferença nos preços. “Não é muito o que eu esperava com relação ao valor, mas estou pensando em levar algum”. 

Segundo Douglas da Silva, inspetor de segurança do shopping Midway Mall, foram chamados mais 30 homens para “Operação inauguração” desta quinta, além da segurança da própria loja. “Um esquema logístico foi montado para que as pessoas entrem aos poucos e a fila é liberada de acordo com a confirmação dos funcionários da própria loja”, explicou.


Larissa Moura, especial para o DN Online

BEBIDAS ENERGÉTICAS

Saiba quais são os perigos das bebidas energéticas
Imagem/Arquivo Blog "naserra"
Muitos países estão controlando a venda de bebidas energéticas. O motivo é a alta dosagem de cafeína no produto, o que, segundo estudos, podem colocar em risco a saúde de adolescentes e adultos, levando o consumidor, inclusive, a óbito.

No final deste ano, o Canadá deve limitar os níveis de cafeína em bebidas como o “Monster Energy”, “Red Bull” e “Rockstar”. Outros países como México, França e Índia também consideram mudar algumas regras e estudam mudar medidas, entre elas planejam aumentar a tributação dos energéticos para desencorajar o seu uso.

Com o consumo elevado de bebidas energéticas, os Estados Unidos pediram uma revisão da indústria. Críticos afirmam que a “Food and Drug Administration” não exige que as empresas do setor divulguem a quantidade de cafeína em seus produtos.

— A abordagem tem sido “laissez-faire” — disse o Dr. Bruce A. Goldberger, toxicologista da Universidade da Flórida, crítico da indústria.

As autoridades da F.D.A. dizem não ter provas suficientes para agir sobre os níveis de cafeína em bebidas energéticas, mas continuam a estudar a questão. Além disso, os produtores podem comercializar uma bebida energética como uma bebida ou um suplemento dietético, com rotulagem, regras e ingredientes diferentes.

— Não temos bebidas energéticas definidas por qualquer regulamento. Esse é um termo usado pelo marketing — disse Daniel Fabricant, diretor da divisão de suplementos dietéticos da FDA.



Fonte:  Agência  O Globo
VIA

PARÓQUIA DE SANTA LUZIA - MOSSORÓ/RN

Paróquia de Santa Luzia completa 170 anos de história e evangelização

A Paróquia de Santa Luzia completa 170 anos no próximo sábado, data importante pelo sentido histórico e pela missão evangelizadora nesses quase dois séculos de existência. Para celebrar o aniversário, a Catedral realiza no domingo (28), às 19h, a missa de entrega do templo renovado após o processo de pintura.

Além de ser uma missa comemorativa ao aniversário da paróquia, a celebração também conta com o envio das equipes da festa da padroeira deste ano.

Em entrevista ao jornal O Mossoroense, padre Flávio Augusto disse que o principal desafio da paróquia na cidade é fazer com que aqueles que se dizem católicos participem efetivamente da religião.

Monsenhor Francisco de Sales Cavalcanti destacou em seu livro, "Paróquia de Santa Luzia, 150 anos" que a paróquia de Mossoró foi criada devido à necessidade de trabalho evangelizador mais intenso na cidade. Isso porque, até então, a capela de Santa Luzia pertencia à Freguesia de Apodi, o que restringia o trabalho pastoral.

Assim, com a capela elevada à condição de matriz, com a criação da paróquia, a cidade passou a contar com a presença permanente de um padre. O que veio a ocorrer em 1842, quando dom Manoel Assis Mascarenhas sancionou a Resolução nº 87, criando a Freguesia de Santa Luzia de Mossoró.

O primeiro vigário da região foi o padre Antônio Joaquim, que atuou no município por 51 anos. Com o tempo, a Paróquia de Santa Luzia passou a ser a sede da Diocese de Mossoró, desmembrada em outras paróquias, tornando-se paróquia com característica urbana. Atualmente, a paróquia é dividida em quatro áreas paroquiais e 14 setores missionários.


Fonte:   Redação do Jornal  O Mossoroense

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

ESQUINA DO ESPETINHO

    AGORA EM MARTINS/RN UM NOVO ESPAÇO PARA VOCÊ QUE DESEJA SABOREAR UM BOM ESPETINHO DE CARNE EM UM AMBIENTE FAMILIAR.



FUNCIONAMOS AS SEXTAS E AOS SÁBADOS
VENHA CONFERIR

ALERTA

Anvisa suspende 30 lotes de diurético usado no controle da hipertensão
Imagem/Arquivo Blog "naserra"
Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu nesta quarta-feira (24) a distribuição, o comércio e o uso de 30 lotes do medicamento Hidroclorotiazida 25 mg, fabricado pelo Instituto de Tecnologia em Fármacos. O remédio é um diurético utilizado no controle da hipertensão.

De acordo com resolução publicada no Diário Oficial da União, o processo de fabricação do produto foi alterado sem aprovação da Anvisa. O fabricante, segundo a agência, teria incluído uma etapa de moagem do insumo farmacêutico que não estava prevista.

“Não há dados no registro do produto que comprovem a segurança e eficácia com esta alteração e o tamanho das partículas do produto após a moagem. [A inclusão da moagem no processo de fabricação] pode afetar o desempenho e interferir na estabilidade e dissolução, entre outros requisitos”, informou a agência, por meio de nota.

Os lotes suspensos são: 12030260, 12030261, 12030262, 12030263, 12040407, 12040408, 12040413, 12040414, 12040415, 12040446, 12040447, 12040448, 12040461, 12040462, 12040463, 12040464, 12040465, 12040466, 12060585, 12060586, 12060587, 12060588, 12060589, 12060590, 12060591, 12060592, 12060593, 12060594, 12060595 e 12060596.

A Anvisa publicou também no Diário Oficial a apreensão, a inutilização e a proibição da divulgação do produto Mel com Ervas (com indicação terapêutica para asma). O mesmo irá acontecer com todos os demais produtos sujeitos à vigilância sanitária fabricados pela Facon-Fabricação e Comércio de Cosméticos e Produtos Naturais Ltda. A empresa não possui autorização de funcionamento na Anvisa.

Outra interdição foi tomada em relação aos produtos sujeitos à vigilância sanitária fabricados pela Pro-Ervas, que também não possui autorização. A empresa Novartis Biocienciais deverá recolher os lotes S0006 e S0006A do medicamento Hydergine (mesilato de codergocrina), após detectada alteração de aspecto nos lotes.

FONTE 





VIA

O PERÍODO NATALINO JÁ SE APROXIMA

Comércio começa a se preparar para as vendas do período natalino

Com a aproximação do Natal, algumas lojas de Mossoró já começam a se preparar para as vendas de artigos natalinos, tais como árvores de Natal, pisca-pisca, guirlandas, entre outros produtos. Diferente de outros anos, quando as prateleiras e vitrines começaram a receber os enfeites entre o final de outubro e o início de novembro, alguns lojistas da cidade anteciparam a exposição das mercadorias, com o objetivo de aumentar as vendas.

Apesar de parecer precipitada, a decisão dos lojistas vem chamando a atenção dos fregueses e estimulando as compras. É o caso da dona de casa Kalina Maria, que relatou ter aproveitado a antecipação das vendas de produtos natalinos para comprar com mais comodidade. "O bom de antecipar as compras é porque as lojas não estão lotadas e tenho a oportunidade de escolher os melhores produtos, além disso, quando chega dezembro, parece que os preços dos produtos aumentam" afirma.

De acordo com a vendedora Karina Alves, o carro-chefe das vendas deste ano deve ser as árvores de Natal e os presépios.

"A novidade deste ano são as árvores de Natal azul e pink. Outro artigo que tem sido muito procurado são os arranjos de mesa com motivos natalinos, como bolas, laços e velas. Nossa expectativa é que com a antecipação da exposição dos produtos natalinos as vendas cresçam, prova disso é que a demanda já aumentou este mês", informou Karina.

Vale destacar que o clima antecipado promete incentivar os consumidores a reservarem parte do 13º salário para os artigos natalinos. A primeira parcela costuma ser paga no dia 20 de novembro e a expectativa é de que haja um aumento significativo no movimento do comércio a partir desta data.


Fonte:   Redação do Jornal  O Mossoroense

SITUAÇÃO DA DENGUE EM MOSSORÓ/RN

Mossoró é a segunda cidade do RN em número de notificações de dengue

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) divulgou neste mês o número de casos notificados de dengue no Rio Grande do Norte. Conforme o boletim epidemiológico, Mossoró é a segunda cidade do Estado com o maior número de notificações da doença.

Até o momento foram registrados 31.548 casos suspeitos, sendo 11.210 confirmados. Em Mossoró, os números também foram altos, as notificações representam 2.217 dos casos, enquanto que 1.294 pessoas foram confirmadas de estarem com a doença.

Segundo a coordenadora da Vigilância Sanitária de Mossoró, Alanny Medeiros, os números da doença no município têm se mantido estáveis. De todo modo, as ações de prevenção e combate à doença estão sendo realizadas de forma permanente.

"As ações são constantes, o município nunca para de realizá-las. Caso haja epidemia ou não, vamos continuar realizando ações de combate à doença. Mantemos um cuidado maior naqueles bairros mais periféricos, que normalmente têm dificuldade com o abastecimento de água, pois como as pessoas tendem a acumular o líquido para consumo, a água fica parada por mais tempo, propiciando o surgimento do vetor. Além disso, o clima da cidade também favorece o surgimento do mosquito". 

Convocação de 26 agentes de endemias visa intensificar as ações de combate e prevenção da doença

Alanny Medeiros destaca que entre as ações de combate à doença está a convocação de 26 agentes de endemias.

"Algumas áreas da cidade estavam descobertas, com a convocação de mais profissionais para atuar diretamente no Programa de Controle da Dengue, poderemos cobrir um maior número de bairros na cidade. Associado a isso temos feito as caravanas contra a dengue nos bairros e a parte de educação e saúde, como as palestras educativas, tanto na rede pública de ensino", diz a coordenadora.

E acrescenta: "Também firmamos parcerias com as empresas provadas, para fazer a parte de educação, principalmente no ramo da construção civil, em empresas da área de petróleo", explicou.

Conforme informações repassadas pela coordenadora da Vigilância Sanitária, a dengue se comporta em surtos epidêmicos, isto é, a cada três anos há um pico de epidemia. No ano de 2008 foi registrado um grande número de casos, já em 2011 tivemos um surto epidêmico. "Achamos que em 2012 esse número seria reduzido devido à falta de chuvas. No ano que ocorrem muitas chuvas, registramos um aumento no número de casos, tendo em vista que o habitat do mosquito Aedes aegypti , que é a água parada, vai se distribuir em maior quantidade, atraindo mais vetores e consequentemente mais casos".

Os cinco municípios que apresentam as maiores notificações de casos suspeitos são:

"Natal: 12.206 casos
"Mossoró: 2.195 casos
"Parnamirim: 2.051 casos
"João Câmara: 818 casos
"Currais Novos: 816 casos


Fonte:  Redação do Jornal  O Mossoroense

BENEFICIÁRIOS DO FGTS

Trabalhadores com conta de FGTS ganham linha de crédito para aquisição de material de construção

Imagem/Arquivo Blog "naserra"
Os beneficiários do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) terão acesso, a partir de 1º de novembro, a recursos totais de R$ 300 milhões para financiar a compra de material de construção para imóveis rurais e urbanos, segundo a Instrução Normativa (IN) 34 publicada hoje (24) no Diário Oficial da União. A medida foi aprovada em janeiro pelo Conselho Curador do FGTS, mas não havia sido implementada.

O financiamento poderá ser usado para construção, reforma ou ampliação de unidade habitacional e instalação de hidrômetro e sistema de aquecimento solar para residências. A concessão do crédito não dependerá de renda familiar e será destinada apenas a titulares de conta vinculada ao FGTS, segundo as condições de financiamento do Sistema Financeiro da Habitação (SFH).

Os empréstimos poderão ser de até R$ 20 mil e terão juros nominais de 8,5% ao ano, acrescidos de taxa de risco (máximo de 0,8% anuais). A amortização da quantia financiada deverá ser feita em, no máximo, dez anos.

Terão prioridade famílias com renda até R$ 5,4 mil, compra de materiais para imóveis de até R$ 90 mil (com as exceções previstas na Resolução 702 de 2012), idosos, pessoas com deficiência e mulheres chefes de família.

Para ter acesso ao crédito, o beneficiário tem que encaminhar ao Programa Financiamento de Material de Construção (Fimac) do FGTS proposta que deverá atender aos objetivos do programa e aos seguintes requisitos: compatibilidade entre os valores do financiamento solicitado e a capacidade de pagamento do Fundo; comprovação da idoneidade dos responsáveis pela construção e pela autorização do projeto técnico por entidade competente; compatibilidade com as diretrizes do Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade (PBQP), do Ministério das Cidades; imóvel situado em local residencial adequado; e comprovação da regularização da mão de obra usada na execução da obra quando o valor pleiteado for acima de R$ 10 mil, entre outros critérios.

Os recursos serão alocados de acordo com o déficit habitacional urbano apontado pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Do total, 42,5% irão para o Sudeste; 28,2% para o Nordeste; 11,2% para o Sul; 9,6% para o Norte e 8,3% para o Centro-Oeste. 

De acordo com a instrução, os trabalhadores que terão acesso aos valores deverão ser beneficiários do FGTS por no mínimo três anos (na mesma empresa ou em locais diferentes), ter contrato de trabalho ativo correspondente ao mínimo de 10% do valor contratado, não ter outros financiamentos no âmbito do SFH e não ser proprietário de imóvel no município onde reside ou exerce a atividade profissional principal. 

A relação dos materiais qualificados ou certificados para o financiamento estão disponíveis nas páginas na internet do Ministério das Cidades e do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).


Com informações da Agência Brasil.

FONTE